Edições

Imprimir
Nem tudo que reluz é Ouro
AA.VV.
Projecto concebido por André Santos
Colaborações de Afonso Ferreira, AKACORLEONE, Ana Silva Silveira, Ana Types Type, André Silva, Andy Calabozo, Anita Morais, Anoik, Aurore, Beatriz Barros, Bruno Borges, Daniela Viçoso, David Penela, Deolinda Cor, Diana Martins, Diogo Machado (add fuel to the fire), FAEL, Francisca Cardoso, Gennebra, Get up, Folks!, Gonçalo Leite, Guapo, Hey CECILIA!, Hey Mikel, Humberto Marques, Inês Nepomuceno, Isabel Lucena, Joana Corker, João Guedes, João Jesus, Joel Torres, José Feitor, José Luís Sousa Dias, Laro Vilas Boas aka Laro Lagosta, Mariana a miserável, Marta, Marta Afonso, Mr. Phomer, Nelson Duarte, Oscar Afonso, Paulo Mariz, Pedro Fernandes, Pedro Mota, Raquel Sofia Macedo dos Santos, Ricardo Calabaça, Royal Studio, Sérgio Alves, Sick Faces (Luís Silva), TE-TE-TEXAS, Tiago Machado, Tiago Miguel Almeida, Vitor Campinho (Happy Jack Studio), Xesta Studio e Zé Cardoso.
André Santos
13x19,5 cm
112 páginas
100 exemplares
2013
(Novembro)
Porto
não tem
Texto impresso a laser, ilustrações impressas em serigrafia (preto e dourado). Papel capa: Curious Skin Black 270g.
Papel miolo: Munken Linx 150g. Encadernação manual, cadernos cosidos com fio preto.
“Nem tudo que reluz é Ouro” nasce do amor pela ilustração, pela auto-publicação e pelo trabalho colaborativo. Reúne ilustradores e designers maioritariamente portugueses com o propósito de, por um lado, mostrar a qualidade daqueles que comunicam graficamente, sejam eles mais ou menos (re)conhecidos, quer através do recurso à ilustração, à tipografia ou a outra abordagem; por outro, motivar à reflexão — tendo em conta a versatilidade do provérbio que dá nome à publicação, os autores tiveram a hipótese de optar por uma criação literal, crítica, poética, cómica, etc.. Numa altura em que nos é desafiado um processo criativo cada vez mais austero, atrevemo-nos a disfarçar a publicação de objecto de luxo: arriscamos na quantidade de autores convidados, investimos na técnica de impressão, cobrimos as páginas a ouro.

(Texto graciosamente cedido por André Santos a Tipo.PT)
id
date time
2014-01-03 19:00:39